Broadcast em tempo de pandemia (2)

Cada crise é uma oportunidade, dizem. Esta crise parece querer continuar a lançar-nos desafios. Mas há, contudo, alguns que podem ser facilmente vencidos. Se falássemos em tele-trabalho, por exemplo, a alguém da área do broadcast há uns anos, éramos certamente objecto de chacota. A verdade é que a pandemia veio obrigar esta área a repensar alguns dos paradigmas em que estava fechada. Algumas das novas práticas que, pela pressão dos acontecimentos, daí resultaram, preconizam uma verdadeira revolução no sector e merecem agora ser encaradas a uma nova luz. E há novas ferramentas que sustentam esta revolução. Bem-vindo à nova tecnologia com base IP! É possível instituir novas práticas, manter os mais altos padrões de qualidade, e acelerar a migração para uma tecnologia que veio para ficar. As soluções da LAWO mostram-se à altura do desafio e estão aí o ajudar.

LAWO Mix Kitchen

Fazer rádio e televisão profissional em tele-trabalho? Parecia impossível. A urgência da situação veio demonstrar o contrário. Nem sempre as soluções encontradas são as mais fiáveis. Mas estas existem.

Com o distanciamento e muitas outras restrições impostas à maioria das actividades, a economia está a ressentir-se de uma forma que terá apanhado muitas empresas impreparadas. A busca de soluções para colmatar limitações impostas pela pandemia prossegue. Há sectores da economia onde essas soluções são mais fáceis de encontrar e implementar do que outras. O tele-trabalho é, sem dúvida, uma prática que pegou. Na área do broadcast, poderia parecer difícil pô-la em prática. Mas será?

O que temos vindo a assistir é à criação de soluções expeditas, baseadas em meios pré-existentes, muitas vezes improvisados. Estas soluções de recurso deixam frequentemente a desejar e comprometem padrões de qualidade há muito instituídos. Já aqui nestas páginas abordámos os novos desafios que a crise pandémica colocou aos operadores e as respostas possíveis que existem. A migração para uma infraestrutura tecnológica com base IP é um passo inevitável para todos os operadores nesta área. Os que o deram estão agora mais equipados para dar resposta aos novos desafios. Os que o não deram vão ter de considerar essa hipótese seriamente.

A LAWO encontra-se na vanguarda das soluções ao serviço dos novos tempos que se avizinham. A pioneira marca alemã, criadora de tecnologia com base IP para a indústria do broadcast, acaba de anunciar que as suas mesas de produção da série mc², bem como as suas soluções sem superfícies de controlo, incluindo o mc² Micro Core, podem agora ser controladas de qualquer ponto no mundo, desde que esteja garantida uma ligação à internet, até mesmo a partir de um smartphone ou de um hotspot pessoal 4G. Que a exiguidade e singeleza dos meios não induza em engano: um operador pode mesmo controlar uma régie inteira ou partilhar essa operação com um operador local, a partir de casa, sem qualquer compromisso na operação e, muito menos, comprometendo a qualidade do sinal. A solução chama-se MIX KITCHEN.

Trata-se de uma solução de longo prazo, destinada a qualquer cenário em que o acesso físico a um qualquer centro de broadcast, seja de televisão ou rádio, esteja comprometido por um qualquer incidente, ou, como no caso presente, restrições que implicam, por exemplo, redução forçada de turnos. A solução baseia-se num simples sistema de controlo remoto do tipo Mackie® HUI-compatível. As possibilidades são infinitas, a qualidade sem compromisso. Veja aqui como funciona, na prática, a MIX KITCHEN.

Saiba mais sobre esta e outras soluções LAWO. Leia mais e aqui também, sobre a MIX KITCHEN. E contacte-nos para saber mais ainda.