RƎLAY Virtual Patch Bay, a rádio da nova era

O AoIP (Audio over IP) é o destino para o qual toda a área do broadcast, incluindo a rádio, caminha. As possibilidades que a nova tecnologia oferece tornam o seu uso incontestável. As suas vantagens, quer sob o ponto de vista técnico quer financeiro, tornam a sua escolha inevitável. Fazer assentar toda a sua produção numa infraestrutra concebida à volta de uma solução de base AoIP é, pois, um caminho tão inevitável, como é inevitável a noite suceder ao dia. Resta saber como e quando tomar essa decisão. As ferramentas para que essa transição se faça de maneira suave existem. A LAWO é pioneira em soluções para a rádio assentes na tecnologia AoIP. Um novo produto, o RƎLAY Virtual Patch Bay, é uma solução de software que transforma a sua estação numa poderosa infraestrutura de comunicação. Assente em tecnologia que, muito provavelmente, já possui. A pensar em si, no seu investimento passado, mas, sobretudo, projectando a sua capacidade de produção para o futuro. Sempre dentro dos mais elevados padrões de qualidade broadcast. É tão simples como clicar, ligar e emitir.

O processamento de áudio de um PC é muito limitado. Permitir a ligação entre aplicações de áudio, placas de som e hardware de transmissão era quase impossível. Até ao aparecimento deste RƎLAY Virtual Patch Bay da LAWO, o software que constitui o elo que faltava à sua estação.

Com o novo produto é agora possível fazer circular, como toda a simplicidade, o sinal áudio entre aplicações de áudio do seu PC e entre os dispositivos externos de áudio em hardware. É também possível ligar fluxos AoIP de maneira nativa. O RƎLAY VPB exibe-os numa matriz intuitiva, que permite modificar ou corrigir origens e destinos através de um simples clique. É possível misturar e combinar várias fontes. É também possível criar mapas de roteamento personalizados. O RƎLAY Virtual Patch Bay inclui o Processing Suite, um conjunto de plug-ins em formato VST, baseados nas mesmas ferramentas usadas nas mesas de mistura da série mc², como esta, por exemplo. Mas o novo RƎLAY VPB permite criar também loops de processamento com plug-ins VST desenvolvidos por terceiros.

O RƎLAY VPB em conjunto com o seu software de playout equivale a um servidor de playout. Pode ser ligado à sua consola de mistura ou ao patchbay usando o protocolo AES67 / RAVENNA. É possível correr outros tipos de aplicações, como software de gravação ou edição, ao mesmo tempo, ligando as suas saídas através do RƎLAY VPB para distribuir os sinais através da sua rede AoIP. É possível instalar uma placa de som de hardware no seu servidor PC e correr em paralelo o VPB para monitorização local ou para saídas duplas redundantes. Pode usar o RƎLAY VPB num servidor para ligar várias instâncias do codificador de fluxo de software. Os sinais de entrada de áudio podem ser processados ​​por plug-ins do Audio Processing Suite da LAWO (ou seu VST favorito) antes da distribuição para vários codificadores. Os extensos recursos de medição do RƎLAY VPB podem mostrar os níveis de pico e volume para todos os sinais de uma vez. Quer gravar verificações de ar de streams codificados? Fácil: basta encaminhar o áudio para as aplicações de codificação e gravação simultaneamente. É possível correr o RƎLAY VPB no PC de playout do seu estúdio. É possível adicionar outras aplicações de operação como codecs remotos, clientes VoIP ou de processamento de áudio. Um estúdio inteiro virtual. Os poderosos PCs COTS de hoje podem podem correr várias aplicações simultaneamente. Isto permite economizar os custos associados ao hardware de estúdio e aproveitar totalmente o poder do seu PC playout. Usando os recursos de comando Ember+ do RƎLAY VPB, essas aplicações de áudio podem ser iniciadas automaticamente sempre que for necessário, e as suas saídas dirigidas para qualquer terminal da sua rede AES67 / RAVENNA.

O RƎLAY VPB pode ser ligado a praticamente todos os tipos de hardware e software de áudio disponíveis, tanto a ferramentas profissionais dedicadas como a soluções de consumo.
A compatibilidade com a norma RAVENNA / AES67 é nativa, permitindo o uso de fluxos RAVENNA AoIP por meio de placas de interface de rede prontas a ser usadas. O RƎLAY VPB pode processar sinais de áudio usando os aplicativos da Processing Suite de alta qualidade ou plug-ins VST2 de outros fabricantes. As amplas capacidades de medição incluem pico, volume EBU R128 e ATSC A/85 e medição de correlação. A operação é feita como num patchbay, de forma muito intuitiva. As configurações completas – incluindo todos os parâmetros de processamento – podem ser guardadas e recuperadas com o clique do rato. O RƎLAY VPB pode executar scripts para controlar outros aplicativos de software usando o protocolo de código-fonte aberto Ember + e pode ser controlado remotamente via Ember +.
A integração de hardware de áudio é total, com drivers WDM, WASAPI e MME. Os clientes RƎLAY VPB ASIO e WDM estão disponíveis para outras aplicações, em paralelo e sem restrições. O RƎLAY VPB ASIO suporta até 8 dispositivos de hardware ASIO, que podem ser usados ​​ao mesmo tempo.
Suporta ainda até 64 canais de áudio RAVENNA / AES67.A Audio Processing Suite incluída compreende equalizador paramétrico, equalizador gráfico, compressor com e sem filtro, limitador, expansor, Image X e hyperpanning.
O RƎLAY VPB suporta plug-ins de áudio VST fabricados por terceiros.

Se não ficou impressionado com as capacidades do novo RƎLAY VPB da LAWO, leia aqui mais sobre este produto, obtenha a brochura sobre o conceito RƎLAY de Virtual Radio Software e fique a conhecer os outros produtos da linha RƎLAY, como o VRX Virtual Radio Mixer, o VSC Virtual Sound Card ou o AoIP Stream Monitor. Poderá ainda obter uma cópia de avaliação do RƎLAY. Aproveite para ficar a conhecer também as mesas de mistura concebidas para a rádio da LAWO.

Se preferir, fale connosco, para saber mais informações ainda sobre estes produtos e para avaliarmos juntos as suas vantagens face às suas necessidades específicas de produção.